Quarta-feira, 29 de Agosto de 2007

Interruptor

As emoções são espinhas que se entalam em nós que nos causam satisfação, dor, angústia e prazer. São turbulências no nosso estado de alma que invadem o raciocínio e preenchem o espírito.

Sou uma pessoa emotiva. Dou muito valor às emoções e ao que estas nos causam. Entranho-me nelas duma tal maneira que vivo em função delas. Eu sorrio, choro, grito, festejo, arrepio-me, consoante as emoções que vivo na altura. Sou dependente delas para viver.

Na verdade, qualquer sinal, qualquer pequeno pormenor que me acontece altera o meu estado de alma e, por consequência, as minhas emoções rodopiam sobre si, transformando-me por completo.

Por vezes dás-me sinais que alimentam a alma e libertam-me o espírito para o prolongamento do meu sonho, enriquecendo-me de emoções tão boas, tão puras, tão límpidas que fico iluminado por aquela luz que transpira felicidade.

Por vezes dás-me sinais que me apagam aquela luz, que entristecem-me o coração, que congelam o sangue que corre em mim, que me causam angustia e lágrimas pelo corpo.

Tu és um interruptor para o meu estado de espírito. És tu que decides qual a minha forma de agir, qual o meu humor.

Por isso digo que vivo em função de ti. Vivo em função do que me queres dar. Pois eu de ti… quero tudo.

Quero poder continuar a acreditar, quero poder voltar a ter-te nos meus braços, quero poder voltar a adormecer ao teu lado, ver-te dormir, beijar-te, sentir-te tão perto de mim, tão junto ao meu coração…….

Não sei para que lado o interruptor estará virado amanhã, mas posso-te assegurar que por muito que queiras desligá-lo, nunca poderás apagar o meu amor por ti.

Tenho saudades tuas, meu amor.

 


lágrimas de olhosquechoram às 21:40
link do post | limpa-me as lágrimas | favorito
15 comentários:
De Tartuguinha a 6 de Fevereiro de 2008 às 14:39
Que lindo!
Vejo que és uma pessoa especialmente emotiva e sensivel... eu tb sou... sinto mesmo o que descreves, mas nao tenho o teu dom para escrever. Parabéns... voltarei sempre ler os teus textos.


De olhosquechoram a 18 de Fevereiro de 2008 às 12:30
Caríssima amiga,

Antes demais quero-te dizer para aproveitares essa sensibilidade, pois, para mim, só as pessoas sensíveis conseguem viver a plenitude do que esta vida nos oferece.
Agradeço-te pelo facto de teres gostado dos textos que aqui estão expostos mas, com muita pena minha, não vais poder continuar a ler coisas novas, escritas por mim, neste espaço.
O facto é que apoderaram-se, duma forma agressiva, do meu e-mail e, consequentemente, do acesso a esta blog.
Este texto, datado de 29 de Agosto, foi o último texto da minha autoria. Todas as palavras que por aqui se colam posteriores a essa data não são minhas.
Confesso-vos que foi com mágoa que perdi este espaço.
Por aqui espalhei sentimentos, perdi-me nas tristezas, revivi e cresci na felicidade, encontrei nas palavras o conforto e a cura para a dôr na alma.

Perdi este meu cantinho...
Fiquei privado deste meu tapete vermelho onde deixava as palavras interpretarem os meus sentimentos e dar-lhes forma.

Vida cruel......
No entanto a crueldade fica para quem a aceita.

Este maravilhoso meio que encontrei para deixar escorrer o que me vai na alma é infinito e em outras águas ponho já as minhas palavras.

Esta é a minha última viagem por este espaço. Esta é a minha última visita.

As palavras são escassas para descrever o amor, a ternura e a paixão que tenho por este cantinho. Tem o significado de uma vida.
Nele encontrei a felicidade.


De Diva a 16 de Maio de 2008 às 11:44
Olá olhos que choram,

Espero que quem te se "apoderou" este blog, um dia tome consciência da atitude e que te o devolva... sempre acompanhei este blog, adoro a forma como exprimes os teus sentimentos e com certeza que isto é AMOR... penso que já tenhas outro blog, tenho que o descobrir.
Tal como dizes "... a crueldade fica para quem a aceita", concordo contigo temos que caminhar na direcção da felicidade, e nunca ficar parados à espera que ela venha ter connosco...

A quem se apoderou do blog, que siga em frente!
Não é prejudicando outros que encontra a felicidade, os sentimentos não são controlados, e triste daquele que controla os seus sentimentos, que não vive a intensidade, da paixão, do amor, do prazer...

Eu vivo nessa abundância de sentimentos:-)

Olhos que choram, espero continues a vir aqui.





limpa-me as lágrimas

.lágrimas recentes

. Interruptor

. Pedras no caminho

. Saudades.....

. Plágio

. És a minha felicidade

. Meio termo

. Bússola

. Sempre te amei...

. ...

. Olhos que choram... de fe...

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 23 seguidores

.lágrimas antigas

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.Agosto 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
24
25

26
30
31


SAPO Blogs

.subscrever feeds